sábado, 16 de setembro de 2017

DHPP INVESTIGA CASO DOS QUATRO IRMÃOS ASSASSINADOS EM UMA SEMANA.


  Foto: Reprodução


A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa vai começar a ouvir os familiares dos quatro irmãos mortos a tiros na semana passada, na zona Norte de Natal. Três deles foram assassinados na sexta-feira (08) enquanto dormiam dentro de casa, no bairro Nossa Senhora da Apresentação e o outro dias antes, no Igapó. A mãe dos jovens desconhece qualquer motivação para o fato.
De acordo com o delegado Risklift Factory, responsável pela investigação o caso ainda e muito obscuro, poucas informações foram colhidas devido a ausência de testemunhas. "Já estou de posse do relatório confeccionado nos dois dias que ocorreram as mortes e ainda nesta sexta-feira pretendo começar a ouvir as pessoas mais próximas as vítimas, como os pais, namoradas e primos", disse.
A mãe das vítimas, Marluce Nascimento relatou que os filhos nunca tiveram envolvimento com práticas ilícitas e por esse motivo não sabe dizer o porque das mortes. "Eu não consigo entender o motivo de tanta crueldade, eram todos meninos bons e não estavam metidos com coisas erradas. Eu queria saber o porque disso tudo", desabafou.
Josias Nascimento Souza, de 19 anos foi morto enquanto caminhava no loteamento Vila Paraíso, no Igapó, na manhã da segunda-feira (04), já Mateus Ernesto da Silva, de 22 anos, Lucas Ernesto de Souza, também de 22 e Adalto Nascimento de Souza estavam dentro de casa na madrugada da sexta-feira (08) quando foram executados. Qualquer denúncia sobre os assassinatos pode ser feita pelo número 181.

Fonte: Portal BO

0 comentários:

Postar um comentário